Pesquisadores descobrem mini crocodilo pré-histórico em Minas Gerais

O paleontólogo Thiago Marinho, junto de sua equipe da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), descobriu uma espécie de “mini crocodilo” pré-histórico que viveu há cerca de 80 milhões de anos, no período Cretáceo Superior. Batizada de Eptalofosuchus viridi, a nova espécie tem cerca de 40 centímetros (cm) de tamanho. Seu trabalho foi publicado em um paper na Cretaceous Research.

“Esta é a primeira espécie fóssil descrita para a unidade geológica chamada de Formação Uberaba, cuja ocorrência se dá principalmente abaixo da malha urbana do município homônimo”, disse Marinho ao UOL.

Imagem mostra o fóssil de um mini crocodilo pré-histórico
Fóssil retirado de formação rochosa por Thiago Marinho, paleontólogo de Minas Gerais, corresponde a parte da mandíbula de um crocodilo de pequeno porte que viveu há 80 milhões de anos – Imagem: Thiago Marinho/UFTM/Divulgação

O mini crocodilo de Minas Gerais, segundo estimativas de tamanho e idade, conviveu com répteis gigantescos da época, como titanossauros e megaraptores. Entretanto, havia convivência entre eles já que o “pequeno notável” tinha alimentação onívora coerente com o seu tamanho, dificilmente oferecendo competição aos animais maiores.

O fóssil em si foi originalmente descoberto em 1966, estando sob posse do Museu de Ciências da Terra, no Rio de Janeiro. Apenas cinco décadas mais tarde é que Thiago Martins viria a pegá-lo como empréstimo e estudá-lo em Uberaba, junto de outros dois paleontólogos – Fabiano Iori, de São Paulo; e Agustín Martinelli, da Argentina. Durante a análise de Iori é que foi percebido que o animal se tratava de um crocodilo ainda não registrado.

A região de Uberaba é internacionalmente reconhecida como um berço de fósseis, mas as escavações são mais complicadas porque boa parte do que é “descobrível” na área fica justamente abaixo da malha urbana da cidade. Por essa razão, boa parte das descobertas feitas ali acontecem meio que ao acaso, com escavações para projetos em construção civil, por exemplo.

 

 

 

 

Fonte: https://olhardigital.com.br/2021/09/09/ciencia-e-espaco/mini-crocodilo-mineiro/

Deixe seu comentário