Startup cria “carne” de proteína vegetal produzida através de impressão em 3D

A startup espanhola Novameat, especializada na produção de substitutos vegetais para proteína animal, anunciou que vem produzindo uma nova carne de proteína vegetal com o uso de uma tecnologia exclusiva de impressão em 3D.

Com uma matriz de produção que mistura 25% de proteínas vegetais, 72% de água e apenas 3% de gordura vegetal, a startup produz uma fibra de carne que leva a um produto final que imita textura e propriedades nutricionais dos produtos de origem animal.

Fundada em 2018, a startup recebeu recentemente um aporte de 250 mil Euros (cerca de R$1,6 milhões) do governo espanhol para ampliar seu parque fabril sediado em Barcelona, na região da Catalunha.

Com seus cortes em 3D, a Novameat pretende ajudar a reduzir a emissão de gases do efeito estufa, que têm na indústria da pecuária um de seus maiores produtores, além de auxiliar pessoas que desejam abandonar uma dieta com produtos de origem animal no processo de transição para uma alimentação baseada em plantas.

Tem textura, tem aparência, mas ainda não tem sabor

Apesar de já terem chegado a uma aparência e um textura bem parecidas com a dos bifes e filés de origem animal, os pesquisadores da Novameat admitem que o sabor de seus produtos ainda é algo que deixa a desejar. Mas isso não desanima os cientistas, que acreditam que as carnes impressas em 3D chegarão às prateleiras ainda em 2021.

Empresas como a Novameat, que mesclam alimentação e tecnologia com consciência ambiental vêm caindo cada vez mais no gosto dos consumidores e até mesmo de gigantes do setor de alimentação, como Mc Donald’s, Burger King e KFC, que vêm inserindo em seus cardápios alimentos com base 100% vegetal.

 

 

 

 

Fonte: https://olhardigital.com.br/2021/02/04/carros-e-tecnologia/startup-cria-carne-vegetal-impressa-em-3d/

Deixe seu comentário