Pagamento Expresso da Apple chega ao transporte público

A Apple lançou seu recurso Express Transit em Londres para acelerar as transações de clientes que desejam pagar o transporte público com seu dispositivo. Até o momento, essa validação feita com o Apple Pay demorava alguns segundos a mais do que o cartão ou o Google Pay.

A razão pela qual o Apple Pay leva mais tempo do que os outros é porque a Apple usa dados biométricos para autenticar o pagamento – na forma de FaceID ou TouchID. No entanto, com o Express Transit, passageiros do Transporte de Londres (TfL) poderão designar um cartão específico para ser a forma de pagamento da viagem, o que significa que eles não precisarão realizar a autenticação quando passarem pelas catracas, sendo assim mais rápido para todos.

A Apple selecionará o cartão padrão para o Apple Pay como o novo cartão Express Transit, mas isso pode ser alterado nas configurações. Isso funcionará para o iPhone SE, 6S e superior, bem como para o Apple Watch. Caso o usuário possua um iPhone XS, XR ou superior, se o dispositivo ficar sem carga, ainda poderá usar o Apple Pay na rede TfL por até cinco horas.

Reprodução

A Apple trabalhou diretamente com as autoridades de transporte de Londres para integrar a tecnologia às catracas, para facilitar o pagamento. Quase 25 milhões de viagens na cidade e nos arredores são feitas sem contato todas as semanas, com uma em cada cinco dessas viagens usando um dispositivo móvel, como um smartwatch ou smartphone.

O Express Transit não disponibilizará apenas cartões bancários. Os usuários do Citymapper Pass – a versão do aplicativo de um cartão Oyster – estão agora disponíveis no Apple Pay. Anunciado em fevereiro, o serviço de assinatura começa em £ 30 por semana e oferece viagens ilimitadas em um trecho da cidade. O serviço é mais barato que o passe semanal da TfL, que custa cinco libras a mais. Uma versão mais cara inclui o uso ilimitado de bicicletas Santander e £ 12 para passeios de táxi preto Kapten ou Gett. A empresa de tecnologia recentemente estendeu o passe para cobrir mais áreas da cidade.

 

 

 

 

Fonte: https://olhardigital.com.br/noticia/pagamento-expresso-da-apple-chega-ao-transporte-publico/93781

Deixe seu comentário