Uber lança mini-protótipo de aeronave elétrica para viagens de curta duração

O modelo será lançado em 2023. Ele deve alcançar velocidades de até 150km/h e levar quatro passageiros.

Talvez, em breve, viagens de carro sejam passado para uma parcela de pessoas que utilizam os serviços da Uber. Isso porque, nesta terça-feira (11), a empresa revelou seu primeiro (mini) protótipo de aeronave elétrica para passageiros, mais precisamente na conferência Elevate, em Washington.

O exemplar foi desenvolvido pela Uber em parceria com companhia Jaunt Air Mobility. O design parece uma junção “avião-helicóptero” e é bem diferente dos modelos futuristas que estavam sendo desenhados anteriormente.  Ele deve ser lançado em 2023 e pode levar até quatro passageiros por vez.

Reprodução

O conceito por trás desta junção avião-helicóptero é prover o melhor desempenho possível ao exemplar. “Trata-se da chamada ‘aeronave composta’ e estamos realmente tentando obter o melhor dos dois mundos, com voo eficiente e alta velocidade”, explicou Mark Moore, diretor de engenharia da Uber Elevate (aplicativo de transporte aéreo da companhia).

“Esse é o motivo pelo qual você pode ver um grande rotor, que permite que os voos baixos sejam muito silenciosos até passar pela transição do o voo horizontal. À medida que a velocidade aumenta, a pressão é gerada pela asa, então a rotação diminui.”, continua Moore. “Quase nada é gerado pelo grande rotor. A maioria da energia é gerada pela asa, pois é muito mais eficiente.”

A combinação de uma asa semelhante com a de um avião e o rotor de um helicóptero garante maior estabilidade durante o voo, além de menos flaps (partes móveis acopladas às asas da aeronave, que garantem uma maior sustentação, especialmente em velocidades baixas) e a possibilidade de uma asa menor, segundo os projetistas.

Martin Peryea, chefe de tecnologia da Jaunt, esclarece o objetivo das modificações “Ele pode decolar e aterrissar a partir de 15 metros de distância do chão, exatamente como um helicóptero”. Embora as duas aeronaves sejam parecidas, Peryea completa falando a vantagem do modelo da Uber “ele pode ir bem mais rápido que um helicóptero, a mais de 150km por hora”.

Isso significa que o protótipo pode fazer uma viagem de 20km em poucos minutos. Mas será ainda mais benéfico se comparado a outros helicópteros, pois será mais silencioso e terá pouca emissão de carbono.

“Esses veículos não podem apenas ter a vantagem da economia de tempo, eles também precisam ser sustentáveis”, diz o representante de Uber Elevate, Eric Alisson. “Eles precisam estar aptos a circular nos momentos em que as pessoas estão trabalhando. Por isso nós acreditamos que eles precisam ter uma poderosa bateria e ser silencioso”, completa.

Com tantas vantagens é possível imaginar que o valor das “corridas” será altíssimo, certo? Não! Segundo o chefe da divisão da Uber Elevate o preço será similar ao do Uber Black. Eventualmente, pode ser até mais barato usar a aeronave do que a versão do aplicativo com carros de alto padrão, dependendo da distância/tempo.

 

 

 

 

Fonte: https://olhardigital.com.br/noticia/uber-lanca-mini-prototipo-de-aeronave-eletrica-para-viagens-de-curta-duracao/86760

Deixe seu comentário