Nubia X é um celular chinês que troca a câmera frontal por uma tela na traseira

Todas as fabricantes de celular querem lançar um produto com “tela infinita”, mas ninguém sabe direito o que fazer com os componentes que ficam na parte frontal do aparelho. Algumas optam por colocar um entalhe no display; outras escondem a câmera frontal num deslize e tem até quem pense em fazer um furo na tela para abrigar a câmera de selfies.

Uma empresa chinesa apresentou nesta terça-feira, 31, a sua própria solução. O Nubia X é um smartphone de tela cheia e nenhuma câmera frontal. Em vez disso, o aparelho vem com uma segunda tela na parte traseira para que o usuário possa utilizar a câmera principal na hora de tirar selfies.

A parte frontal do Nubia X é ocupada por uma tela LCD quase sem bordas de 6,2 polegadas. Na traseira, há um display OLED menor, de 5,1 polegadas. Assim, é possível visualizar, pela segunda tela, como a sua selfie vai ficar, tirada com a câmera dupla de 24 MP e 16 MP, único módulo presente no aparelho.

Com a tela traseira em uso, a frontal fica desligada. Quando não está sendo usada, a segunda tela fica em modo de descanso. O usuário também pode escolher qual tela quer usar no dia a dia. Como se trata de um painel OLED, os pixels pretos da imagem ficam desligados e, na maior parte do tempo, o segundo display gasta menos bateria do que a tela principal, que é de LCD.

Por dentro, o Nubia X é um top de linha padrão 2018: processador Snapdragon 845, até 8 GB de RAM e 256 GB de armazenamento. Só a bateria parece menor do que o esperado: 3.800 mAh. Com duas telas e um processador potente, era de se esperar que a unidade de energia também fosse grande o bastante para dar conta de tanta demanda.

A célula não é exatamente pequena, mas é menor que a de outros celulares top de linha no mercado. Otimizações de software podem muito bem compensar o gerenciamento de energia, porém. Além disso, o Nubia X vem com dois leitores de impressões digitais integrados às duas telas, um de cada lado.

Segundo o Engadget, o Nubia X custa a partir de 4.300 yuans na China, equivalentes a quase R$ 2.300 em conversão direta, sem contar impostos. Ele não tem previsão de lançamento fora da Ásia.

 

 

 

 

Fonte: https://olhardigital.com.br/noticia/nubia-x-e-um-celular-chines-que-troca-a-camera-frontal-por-uma-tela-na-traseira/79560

Deixe seu comentário